sábado, 25 de novembro de 2017

MORRE O SARGENTO FERREIRA, VÍTIMA DE TIROS DISPARADOS PELO SEGURANÇA DE NÚBIA DUTRA.



MORRE O SARGENTO FERREIRA, VÍTIMA DE TIROS DISPARADOS PELO SEGURANÇA DE NÚBIA DUTRA.

Depois de alguns meses internado o Sargento Ferreira, da Polícia Militar do Maranhão acabou de falecer. Para quem não lembra o Sargento foi vítima de um tiro disparado contra ele por parte do segurança da primeira dama de Paço do Lumiar-MA Núbia Dutra.

domingo, 5 de novembro de 2017

COLETIVA DE IMPRENSA, CASO ALLANA LUDMILA. ALGUMAS PERGUNTAS QUE AINDA NÃO FORAM RESPONDIDAS



Na coletiva de imprensa dada pelo secretário de segurança Jeferson Portela, ficou muito claro para toda sociedade maranhense que o ex-padrasto da pequena Ludmila é réu confesso, uma vez que em seu depoimento relatou como cometeu o crime.
Vejamos alguns pontos da entrevista:
PRIMEIRO ATO– Início das Investigações
- Na quarta-feira dia 01 de novembro, iniciasse as investigações realizando uma perícia na casa da vitima e ao mesmo tempo ouvindo algumas testemunhas, entre elas; o ex-padrasto, a mãe da vitima, o pai e vizinhos mais próximos. Horas depois encontramos uma bolsa da vítima num bairro próximo ao Maiobão, naquele momento todo nosso esforço e esperança era encontrar a Ludmila com vida.
- No outro dia ficamos sabendo que por volta das 4hs da madrugada da quarta para quinta-feira o ex-padrasto, Robert Serejo, tinha se evadido da residência dos seus pais, nesse momento ele passa a ser suspeito central da nossa investigação.
- Na manhã de quinta-feira, dia 2, foi expedido um mandato de prisão em desfavor do Robert Serejo.
SEGUNDO ATO– O corpo foi encontrado
- Na sexta-feira, dia 03, alguns populares e vizinhos sentiram um odor muito forte que exalava do quintal da vitima, ao verificarem o local encontram o corpo da pequena Allana Ludmila enterrado numa cova-rasa.
TERCEIRO ATO– Perícia Técnica
- Com a localização do corpo nossa equipe de peritos constatou que a vítima estava com os braços amarrados, um saco preto na cabeça e com várias escoriações em seu corpo.
- No exame de conjunção carnal foi detectado que a criança tinha sofrido um ato de violência sexual.
QUARTO ATO – Prisão de Robert Serejo
- Na manhã de sábado, dia 4, o agora foragido da polícia pegou uma van na rotatória do Tirirical com destino a cidade de chapadinha para casa de alguns parentes que residem naquela cidade, mas o mesmo não logrou êxito na sua fuga, uma vez que dentro da van tinha dois polícia miliares que reconheceram o Robert Serejo e solicitou que o motorista parasse no posto de policia da estiva, nesse momento o Robert recebeu voz de prisão.
  QUINTO ATO – Depoimento de Robert a delegada de feminicídio
- Eu seu depoimento Robert relatou que ao chegar à casa da sua esposa ou ex-esposa ele chamou a criança pela janela da frente e percebeu que a vitima estava só em casa, logo em seguida o assassino pulou o muro que da acesso ao quintal e a porta dos fundo da residência,  tendo acesso ao imóvel uma vez que o mesmo tinha eu seu poder a chave da casa. Logo em seguida se dirigiu ao banheiro onde encontrou a sua presa apenas enrolada em uma tolha, a vitima ainda gritou mais foi contida pelo seu assassino.
- Tudo leva a crer que o crime foi premeditado.
- O assassino descartou a presença da mãe ou a participação de terceiros.
Último Ato – Perguntas que necessitam de respostas
1.    Há quanto tempo o assassino estava separado da mãe?
2.    O filho do assassino morava com a mãe de Ludmila ou com seus avós paternos?
3.    Qual era a frequência de visitas do Robert ao seu filho?
4.    Por algum momento a Ludmila chegou a relatar para sua mãe algum tipo de comportamento estranho com relação a sua pessoa por parte do seu padrasto?
5.    Como era a relação de Ludmila e seu padrasto?
6.    Existe algum relato de vizinhos que tenham ouvidos gritos de dentro da casa?
7.    Como era a relação de mãe e filha?
8.    Como ele teve acesso à chave da casa? Segundo informações os mesmo não tinham mais uma vida conjunto.

Gostaria de saber as respostas para essas indagações. Com a palavra o secretário de segurança pública do estado.




sábado, 4 de novembro de 2017

SEGUNDO INFORMAÇÕES EXISTE OUTROS ENVOLVIDOS NA MORTE DA ALLANA LUDMILA



No intervalo de sepultamento da criança Allana Ludmila, que foi brutalmente assassinada na ultima quarta-feira, do outro lado da cidade o principal suspeito de ter comedido o crime o seu ex-padrasto Robert Serejo Oliveira em trava em uma Vam no retorno do Tirirical em São Luís com destino a cidade de Chapadinha, para tentar se esconder na casa de parentes que reside naquela cidade.
Ao entrar na Vam o motorista logo reconheceu o principal suspeito do crime, mesmo assim, o motorista continuo seguindo viagem até se aproximar do posto de policia na estiva saída de São Luís, ao se aproximar do posto policial o condutor parou a Vam e informou a guarnição que  o suposto assassino a criança a Allana estava dentro do seu veiculo, ao ser abordado pelos policias Robert Serejo negou que teria cometido tal crime, porém logo em seguida confessou sua participação no assassinado da pequena Allana.
BOMBA
Uma fonte entrou em contato com a redação do nosso blog e nos informou que o crime teria sido cometido com a participação de mais 2 elementos (pessoas) que tem um alto grau de parentesco com a peque Alanna.
Iremos preserva algumas informações repassadas pelo nossa fonte para não atrapalhar a linha de investigação da policia.

QUEREMOS JUSTIÇA...

sexta-feira, 23 de junho de 2017

OBRA DA UPA DO MAIOBÃO FOI PARALISADA




Na manhã de hoje os operários da UPA cruzaram os braços por falta de pagamento dos seus vencimentos que já estão com 3 meses atrasados. Segundo os funcionários a situação tá insustentável uma vez que os mesmo não conseguem pagar os seus compromissos e nem manter o sustento de suas famílias.


Os mesmo ainda afirmam que a informação repassada pelo proprietário da empresa é que a prefeitura não tem repassado as medições encaminhadas para secretaria de obras do município, dificultando assim o pagamento dos funcionários responsáveis pela construção da obra.

quarta-feira, 26 de abril de 2017

O PDT DE PAÇO DO LUMIAR REAFIRME SEU COMPROMISSO COM A POPULAÇÃO ANUNCIANDO UMA JORNADA DE LUTA E AÇÕES.


Em reunião realizada na  noite de ontem a direção municipal do PDT de Paço do Lumiar definiu que vai realizar uma jornal de Lutas e atividades que terá como fundamento apresentar a população que existe outras forças políticas  nesta cidade e que ao longo da sua história vem lutado em defesa da povo brasileiro. 

Para tanto no final de semana  passado o partido compreendendo  a importância do esporte como instrumento de transformação da sociedade além de melhorar a qualidade de vida de jovens e adultos participou da I COPA da ASCREP organizada pelos desportistas Neto e Henrique Novas representantes da instituição. A referida copa esta sendo realizada no antigo campo do lusitana todos os finais de semana. 

Dando continuidade nas suas agendas de  ações o PDT através da vereadora Ana Lucia vai realizar no dia 14 de Maio na vila povo um evento alusivo ao dias das mães. Por fim, o partido irá participar da grave geral em defesa da previdência que será realizado no dia 28 sexta-feira as 8hs da manhã.

sábado, 1 de abril de 2017

PRIMEIRO DE ABRIL: DUTRA CAI NA MENTIRA DE RIBAMAR, IMESC E IBGE NA DEFINIÇÃO DOS LIMITES DE PAÇO DO LUMIAR.




Parei para avaliar a matéria publicado no Jornal Imparcial de hoje, por coincidência é 1 de Abril, dia da mentira conhecidamente por os brasileiros, vejamos o nome da matéria: 



Sempre considerei importante a definição dos limites de São Luís, Paço do Lumiar, Ribamar e Raposa. Uma vez que ao longo dos anos a cidade de Paço do Lumiar vem sofrendo com o problema dos limites e, por falta da sua indefinição a cidade perdeu investimentos nas áreas da saúde, educação, infraestrutura e na arrecadação de impostos, uma vez que os condôminos e shopping Pátio Norte pagam seus tributos para São José de Ribamar que de  forma leviana usurpou metade do território de Paço do Lumiar, ficando assim as vantagens acima citadas sobre a tutela de Ribamar que curiosamente na época tinha como prefeito Luis Fernando ligado ao grupo Sarney.

Vejamos a fala do Prefeito Domingos Dutra:
"O prefeito de Paço do Lumiar, Domingos Dutra, lembrou que a região    metropolitana de São Luís foi instituída há  anos e que recentemente, o Governo do Estado atualizou a legislação. Informou que equipe das prefeituras de Paço do Lumiar, Raposa e São José de Ribamar fizeram um estudo técnico acerca dos marcos territoriais dos respectivos municípios que resultou na elaboração de um  Termo de Ajuste de limites, feito com base em orientações técnicas do IBGE e do IMESC".
Espero que a equipe do prefeito tenha levado em consideração nesse estudo os limites legais do município estabelecido pela Lei 1890 de 07 de Dezembro de 1959, uma vez que a mesma estabelece o marco legal dos limites da cidade, e ao mesmo tempo seu desmembramento de São José de Ribamar, se os técnicos da prefeitura de Paço do Lumiar, IBGE e do IMESC levaram em consideração a resposta de um oficio de nº 026 datado de 18 de Fevereiro de 2011 onde o mesmo estabeleceu um novo limite para essa cidade estão completamente equivocados uma vez que o referido RELÁRIO TÉCNICO é apócrifo, neste caso não sendo assinado por ninguém.

Por fim, caros leitores, a constituição federal no capitulo V, Art. 18, § 4 estabelece que criação, incorporação, fusão e o desmembramento de município, far-se-ão por lei estadual, por lei complementar Federal e dependerão de consulta prévia mediante plebiscito. Por tanto caro prefeito Domingos Dutra até o presente momento a constituição não reconhece o nome TERMO DE AJUSTE DE LIMITES como amparo na definição dos limites de um município.

quinta-feira, 16 de março de 2017

NOTA DE ESCLARECIMENTO



Senhores Luminenses e em especial os profissionais da educação da nossa cidade, venho neste momento esclarecer a informação mentirosa de que alguns vereadores são contra a votação do projeto lei que trata do reajuste salarial do profissional do magistério. Esta informação é MENTIROSA! O correto é que o senhor presidente da câmara resolveu  iniciar a sessão no horário previsto em nosso regimento, até aí acho louvável tal atitude em cumprir rigorosamente o que está escrito no regimento interno da casa, mas, queria nesse momento fazer uma reflexão sobre a atitude tomada pelo nobre vereador. Desde o início do ano legislativo, as sessões nunca iniciaram dentro do horário previsto no regimento, aí eu lhes pergunto: Porque abrir a sessão, e logo em seguida encerrá-la por falta de quórum? Uma vez que é habitual desta casa iniciar as sessões as 09h40min da manhã. Não quero acreditar que o nobre presidente tomou tal decisão apenas para inviabilizar os projetos de Leis enviados pelo poder executivo.
Por fim, gostaria de lembrar e ressaltar que sou uma servidora pública de carreira na área da saúde atuando como Enfermeira, Educadora por paixão e conduzo uma Escola Comunitária deixada por minha saudosa mãe, a Senhora Anacleta. Venho reafirmar o meu compromisso e militância em prol da educação.

 Vereadora Ana Lúcia